Concurso Nacional de Acesso


Apresentação

Candidaturas

Candidatura ao ensino superior público é feita anualmente através de um concurso nacional organizado pela Direção-Geral do Ensino Superior.

O concurso nacional realiza-se no final do ano letivo e organiza-se em três fases, nos termos do calendário anualmente aprovado.

A direção de todo o processo relacionado com avaliação da capacidade para a frequência, bem como com a fixação dos critérios de seleção e seriação dos candidatos à matrícula e inscrição no ensino superior, compete à Comissão Nacional de Acesso ao Ensino Superior.

Para concorrer é necessário:

  • Ser titular de um curso de ensino secundário, ou de habilitação legalmente equivalente;
  • Realizar, ou ter realizado nos últimos dois anos, os exames nacionais correspondentes às provas de ingresso exigidas para os diferentes cursos e instituições a que vai concorrer;
  • Realizar os pré-requisitos se forem exigidos pela instituição para o curso a que vai concorrer (não aplicável às licenciaturas lecionados no ISEC);
  • Não estar abrangido pelo estatuto do estudante internacional regulado pelo Decreto-Lei n.º 36/2014, de 10 de março, alterado pelo Decreto-Lei n.º 113/2014, de 16 de julho.

Em relação a cada par instituição/curso deve ser obtida em cada prova de ingresso, bem como na nota de candidatura, uma classificação igual ou superior à mínima fixada.
As classificações mínimas são fixadas anualmente por cada instituição de ensino superior para cada um dos seus cursos e são divulgadas no Guia da Candidatura.

Os candidatos podem concorrer às várias fases do concurso.
Contudo, aos estudantes colocados na 1.ª fase que concorram à 2.ª fase e nela sejam colocados é automaticamente anulada a colocação na 1.ª fase e, consequentemente, a matrícula e inscrição realizadas.
De igual modo, aos estudantes colocados nas 1.ª ou 2.ª fases que concorram à 3.ª fase e nela sejam colocados é automaticamente anulada aquela colocação e, consequentemente, a matrícula e inscrição realizadas.

Informações sobre o concurso nacional de acesso ao ensino superior devem ser consultadas na página web da Direção Geral do Ensino Superior.

Como fazer a candidatura

Cursos de Licenciatura a que se podem candidatar:

 

Requisitos de Acesso e outras informações

Aviso:
A informação disponível na presente página não dispensa a verificação/confirmação da informação constante no site da Direção Geral do Ensino Superior(DGES).

 

Nota Sobre a 2.ª Fase do Concurso Nacional de Acesso

Cursos do ISEC (3064), licenciaturas em:

  • Provas de Ingresso: 02 Biologia e Geologia | 16 Matemática ou 07 Física e Química | 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): Aveiro, Coimbra, Leiria, Viseu | Vagas: 25%
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Fórmula de cálculo da nota para acesso: Média do secundário: 65% | Provas de Ingresso: 35%
  • Classificações mínimas exigidas: Nota de candidatura: 95 pontos | Provas de ingresso: 95 pontos
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Provas de Ingresso: 07 Física e Química | 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Fórmula de cálculo da nota para acesso: Média do secundário: 65% | Provas de Ingresso: 35%
  • Classificações mínimas exigidas: Nota de candidatura: 95 pontos | Provas de ingresso: 95 pontos
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Provas de Ingresso: 07 Física e Química | 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria, Viseu | Vagas: 25%
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Fórmula de cálculo da nota para acesso: Média do secundário: 65% | Provas de Ingresso: 35%
  • Classificações mínimas exigidas: Nota de candidatura: 95 pontos | Provas de ingresso: 95 pontos
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Provas de Ingresso: 07 Física e Química | 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria, Viseu | Vagas: 25%
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): 081, 602, 604, 718, 736, 737, 748, 766, 782, 785, 812, 814, G80, G83, P43, P45, P46, P47, P49, P63, P66 | Vagas: 10%
  • Fórmula de cálculo da nota para acesso: Média do secundário: 65% | Provas de Ingresso: 35%
  • Classificações mínimas exigidas: Nota de candidatura: 95 pontos | Provas de ingresso: 95 pontos
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Provas de Ingresso: 07 Física e Química | 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria, Viseu | Vagas: 25%
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): 091, 602, 604, 736, 737, 740, 748, 766, 812, G80, P41, P42, P43, P44, P45, P46, P47, P60, P66, S28, S29, S30, T16, T17, T18, T19, T20 | Vagas: 10%
  • Fórmula de cálculo da nota para acesso: Média do secundário: 65% | Provas de Ingresso: 35%
  • Classificações mínimas exigidas: Nota de candidatura: 95 pontos | Provas de ingresso: 95 pontos
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Provas de Ingresso: 07 Física e Química | 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria, Viseu | Vagas: 25%
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): 091, 602, 604, 736, 737, 740, 748, 766, 812, G80, P41, P42, P43, P44, P45, P46, P47, P60, P66, S28, S29, S30, T16, T17, T18, T19, T20 | Vagas: 10%
  • Fórmula de cálculo da nota para acesso: Média do secundário: 65% | Provas de Ingresso: 35%
  • Classificações mínimas exigidas: Nota de candidatura: 95 pontos | Provas de ingresso: 95 pontos
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Provas de Ingresso: 07 Física e Química | 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Fórmula de cálculo da nota para acesso: Média do secundário: 65% | Provas de Ingresso: 35%
  • Classificações mínimas exigidas: Nota de candidatura: 95 pontos | Provas de ingresso: 95 pontos
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Provas de Ingresso: 16 Matemática ou 02 Biologia e Geologia | 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria, Viseu | Vagas: 25%
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Fórmula de cálculo da nota para acesso: Média do secundário: 65% | Provas de Ingresso: 35%
  • Classificações mínimas exigidas: Nota de candidatura: 95 pontos | Provas de ingresso: 95 pontos
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Provas de Ingresso: 16 Matemática ou 02 Biologia e Geologia | 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria, Viseu | Vagas: 25%
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Fórmula de cálculo da nota para acesso: Média do secundário: 65% | Provas de Ingresso: 35%
  • Classificações mínimas exigidas: Nota de candidatura: 95 pontos | Provas de ingresso: 95 pontos
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Provas de Ingresso: 16 Matemática ou 02 Biologia e Geologia | 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Fórmula de cálculo da nota para acesso: Média do secundário: 65% | Provas de Ingresso: 35%
  • Classificações mínimas exigidas: Nota de candidatura: 95 pontos | Provas de ingresso: 95 pontos
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Provas de Ingresso: 07 Física e Química | 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Leiria, Viseu | Vagas: 25%
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): 602, 604, 711, 718, 745, 748, 766, 773, 774, 814, G80, G83, P35, P49, P63, P74, S23, S24, S25, S46, T34, T43, T51 | Vagas: 10%
  • Fórmula de cálculo da nota para acesso: Média do secundário: 65% | Provas de Ingresso: 35%
  • Classificações mínimas exigidas: Nota de candidatura: 95 pontos | Provas de ingresso: 95 pontos
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Mais informação na página da DGES aqui.
  • Provas de Ingresso: 09 Geografia ou 10 Geometria Descritiva ou 16 Matemática
  • Área de influência (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Cursos com acesso preferencial (aplicável apenas na 1ª fase): não tem
  • Mais informação na página da DGES aqui.

Inscrições e Matrículas

A Matrícula/Inscrição dos alunos colocados no ISEC ao abrigo do Concurso Nacional de acesso no Ano Letivo 2020-2021 efetua-se exclusivamente no formato não presencial, através da plataforma informática NONIO em https://inforestudante.ipc.pt.

Para esclarecimento de qualquer dúvida ou questão estão disponíveis on-line Vídeos e manuais explicativos do processo de matrícula/inscrição na plataforma de gestão académica NONIO em https://www.ipc.pt/ipc/estudar/novos-estudantes-2020-21/.

Vídeo Explicativo - Matrícula Concurso Geral de Acesso - ver aqui

Matrícula Concurso Geral de Acesso - consultar aqui

 

Propinas e Emolumentos

Os alunos terão de pagar através de multibanco o valor correspondente à taxa de inscrição e 1ª prestação das propinas*.

Taxa de inscrição: 30 € |1ª Prestação da Propina 2020/2021: 69,70€ | Períodos de pagamento das prestações das propinas

* Os alunos que se tenham candidatado a Bolsa de Estudo podem fazer requerimento a solicitar o pagamento da 1ª prestação, apenas após a divulgação do resultado das candidaturas a bolsa.

NOTA: Estão a haver alguns problemas na obtenção das referencias MB bem como dos dados de pagamento, deverão aguardar e voltar a tentar novamente um pouco mais tarde.

 

CARTÃO DE ESTUDANTE

Para solicitar a emissão do cartão de estudante via Caixa Geral de Depósitos é necessária autenticação e assinatura através da Chave Móvel Digital. Os estudantes que ainda não disponham de Chave Móvel Digital devem fazer o pedido tão breve quanto possível, no portal autenticação.gov.

Os alunos que no final da matrícula/inscrição não tenham seguido o link para a realização do cartão de estudante, podem fazê-lo através do seguinte endereço: https://caixaonboarding.cgd.pt/

 

HORÁRIO DE SESSÕES DE APOIO – Plataforma ZOOM

https://bit.ly/3nSD6Le

Das 11h00m às 12h00m e das 14h30m às 15h30m

Linha de Apoio à Matrícula Não Presencial

Exclusivo 1.º ano 1.ª vez: 961199046

Das 10h00m às 12h00m e das 14h00m às 16h30m

 

 

Como fazer a matrícula/inscrição

Manual de apoio à matrícula/inscrição (PDF)

 

Para obter os dados de acesso à plataforma a fim de realizar a matrícula deverá Consultar Utilizador - Colocados DGES.

Antes de avançar, leia atentamente toda a informação que lhe é apresentada.

Pesquise por nome ou por CC (conforme instruções) para ter acesso ao link que lhe irá permitir autenticar na plataforma NONIO mediante introdução da password que recebeu aquando da colocação.

A identificação do nome do utilizador não contém letras nem caracteres especiais ou outros (Ex.: 2019123456). 

No primeiro acesso, o aluno é obrigado a mudar a palavra-passe, uma vez que o número atribuído é temporário, perdendo a sua validade.

 

Funcionamento das aulas no ano letivo 2020-2021

Estão disponíveis aqui as normas excecionais para o funcionamento das aulas.

 

Assistente Social | Horário de atendimento de 6/Out a 31/Dez. de 2020

 

 

CONTACTE-NOS

Pode contactar-nos preenchendo este formulário. Responderemos o mais brevemente possível.

Morada

Rua Pedro Nunes
Quinta da Nora
3030-199 COIMBRA
Portugal

Telefones

Telefone: +351 239 790 200
Fax: + 351 239 790 201

E-mail

info@isec.pt